segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Oitavas de Final 20/01 - Mundial de Handebol Masculino


Islândia 28 x 30 França

Foi a reedição da final olímpica de 2008, que no caso foi vencida pela França. E hoje não aconteceu a revanche islandesa, porém jogaram muito bem dando um calor na França. Poré, os franceses foram muito espertos marcando bastante o craque do time Gudjon Sigurdsson assim ele não teve o aproveitamento habitual,fazendo 4 gols em 10 tentativas ( 40% ).

Ninguém conseguia abrir dois gols no placar , o jogo no primeiro foi marcado pelo equilíbrio, e apenas aos 23 minutos a França abriu 2 de diferença com o gol de William Accambray , porém com gols de Olafsson e Gunnarsson  e empatou em 12 x 12. Quando as equipes foram ao intervalo, o placar apontava pequena vantagem francesa, 15 x 14.

Na volta pro segundo tempo a França chegou a abrir 3 gols, mas logo os islandeses empataram em 19 a 19, porém novamente os franceses conquistaram diferença e aos 15 minutos já estava 25 x 21. Então pouco a pouco, a cada ataque e a cada defesa a Islândia foi diminuindo essa vantagem de 4 gols e até que faltando 7 minutos para o fim da partida chegaram ao empate, 26 x 26. No fim prevaleceu a força da França e com 2 gols de Guigou, um de Sorhaindo e um de Karabatic a França chegou aos 30 gols, contra apenas 2 feitos pela Islândia nesse final de partida, fim de jogo França 30 x 28 Islândia.

Destaque para Samuel Honrubia que fez 7 gols em 8 tiros ( 87% ) e também para Michael Guigou que teve 100% de efetividade, acertando seus 6 chutes ao gol.

Artilheiros
França
Samuel Honrubia – 7 gols
Michael Guigou – 6 gols

Islândia
Thorir Olafsson – 7 gols
Aron palmarsson – 6 gols


Dinamarca 30 x 23 Tunísia 

Dessa vez a Tunísia não conseguiu surpreender um gigante como fez contra a Alemanha e no jogo duro que fez com a França, e a Dinamarca mostrou mais uma vez sua força provando que está a todo o vapor pra conquistar esse mundial.

Apesar da derrota, os tunisianos entraram jogando melhor, aos 10 minutos venciam por 6 x 3 mas depois disso a Dinamarca chegou, empatou, virou e abriu diferença de 3 gols, 10 x 7 e até o intervalo essa vantagem só foi subindo sendo que o primeiro tempo terminou em 16 x 11 para os dinamarqueses.

Na volta do intervalo a mesma coisa aconteceu, a Dinamarca continuou abrindo vantagem e aos 10 minutos já estava em 10 gols, 22 x 12. Com tanta diferença no placar, a Tunísia buscava diminuir mas com aquela sensação de que não dava mais,e desse jeito o tempo foi passando aos 25 minutos estava 29 x 18 e até o fim da partida os tunisianos até diminuíram , mas de nada adiantou, 30 x 23 para os dinamarqueses fim de jogo e classificação garantida.

Destaque para o goleiro dinamarquês Niklas Landin que teve 48% de bolas salvas, os goleiros da Tunísia Mohamed Sfar e Wassim Helal tiveram juntos 28%.

Artilheiros
Dinamarca
Nicolaj Markussen – 6 gols
Anders Eggert – 5 gols

Tunísia
Oussama Boughanmi – 5 gols
Wael Jallouz – 4 gols
Selim Hedoui – 4 gols


Alemanha 28 x 23 Macedônia

A Alemanha era favorita e venceu, muito por que marcaram o jogo inteiro na indivdual o artilheiro da Macedônia Kirill Lazarov, que foi bem menos efetivo que em outros jogos, pois mesmo fazendo 8 gols, foram 8 em 15 tentativas ( 53% ) porventagem bem abaixo de sua média na competição que era bem amior, fora isso a sua equipe perdeu bastante pelo fato de ele estar muito marcado diminuindo também seus passes para gol que são muito efetivos.

A Alemanha começou já mostrando a que veio metendo 4 x 0 logo de cara, diferença essa que foi mantendo até o fim do primeiro tempo, 13 x 9 e intervalo.

No começo do segundo tempo essa vantagem subui pra 6 gols , mas foi aí que começou a reação da Macedônia, e se aproveitando de vários erros da Alemanha conseguiu encostar no placar ficando a dois gols, 18 x 16, e em mais um erro alemão no ataque a Macedônia teve a chance de ouro para ficar a um gol e encostar de vez no placar, fizeram uma transição defesa-ataque muito rápida com Dejan Manaskov ficando cara a cara com o goleiro Silvio Heinevetter, e foi aí que brilhou a estrela do goleiro alemão que numa defesa quase impossível, jogou um balde de água fria na reação macedônica e deu muita moral para sua equipe, que depois desse lance parece ter acordado denovo no jogo e 5 minutos depois já vencia por 5 gols , 23 x 18. Isso desanimou a Macedônia que não teve mais forças para encostar no placar,e aos 17 minutos já perdia por 28 x 20, até o fim do jogo mais 3 gols da Macedônia e nenhum alemão, 28 x 23 e os alemães na próxima fase.

Destaque total para Silvio Heinevetter, que como já foi dito fez grandes defesas na partida tendo 36% de bolas salvas.

Artilheiros
Stefan Kneer- 5 gols
Patrick Wiensek – 4 gols
Kevin Schmidt – 4 gols

Macedônia
Kirill Lazarov – 8 gols
Filip Lazarov , Dejan Manaskov , Naumce Mojsovski – 3 gols

Jogos de segunda feira pelas oitavas de final: ( Horário de Brasília )

Eslovênia x Egito ( 16 h 00 )

Eslovênia é favorita, vem jogando muito nesse mundial vencendo os sérvios que são atuais vice campeões europeus e terminando em primeiro no grupo.Olho em Dragan Gajic que tem 32 gols no torneio com 80% de efetividade ( 32/40 ) pelo lado eslovêno , e por parte dos egípcios atenção especiala Ahmed Mostafa, artilheiro da equipe e 8° do mundial com 32/61 gols ( 53% ).

Sérvia x Espanha ( 16 h 00 )
Com certeza o maior jogo dessas oitavas de final, muitos dizem que a Espanha entregou o jogo contra a Croácia na última rodada da fase de grupos pra fugir da chave que tem Dinamarca e França, pois bem , acabou que arrumou uma Sérvia vice campeã da Euro 2012 logo nas oitavas. Jogo sem favorito em minha opinião. Momir Ilic, Alberto Entrerrios e Julen Aguinagalde são três dos diversos jogadores que você deve ficar de olho na partida.

Hungria x Polônia ( 18 h 30 )
Mais um belíssimo jogo, Hungria que tem seus altos e baixos mas é uma grande equipe, e a Polônia que está bem demais nesse mundial, venceu a Sérvia na fase de grupos e considero favorita a vencer o jogo. Roland Milker , o goleiro húngaro, pode ser o cara que impeça essa vitória polonesa, afinal está muito bem com um aproveitamento de 39% de bolas salvas ( 45/117 ),já que estamos falando de goleiros o polonês Marcin Wichary está ainda melhor com 49% , mas com menos tiros a serem defendidos ( 33/67 ).

Croácia x Bielorrússia ( 18 h 30 )
Nessa partida a Croácia é extremamente favorita, é até difícil de pensar que a Bielorrússia que tem pouca tradição,possa vencer os atuais medalha de bronze em Jogos Olímpicos. Para não haver quaisquer imprevistos a Croácia deve marcar em cima o experiente e craque bielorrusso Siarhei Rutenka ( 42 gols na competição, 2° maior artilheiro até aqui ), feito isso o ataque comandado por vários gols de Ivan Cupic e as defesas do ótimo goleiro Mirko Alikovic ( 40% de bolas salvas na competição, 54/137 ) devem fazer que a vitória croata se materialize.

Nenhum comentário:

Postar um comentário