domingo, 26 de agosto de 2012

José Finkel-Destaque para Thiago,Cielo e pouca renovação

Atletas com índices para o Mundial em Piscina Curta de Istambul
Cesar Cielo Filho – 50m e 100m livre e 50m borboleta
Thiago Pereira – 100m, 200m e  400m medley, 200m borboleta
Kaio Márcio Almeida – 100m e 200m borboleta
Guilherme Guido – 50m e 100m costas
Daniel Orzechowski – 50m costas
Felipe França Silva – 50m e 100m peito
Felipe Lima – 100m peito
Etiene Medeiros – 50m costas
Henrique Rodrigues – 200m medley
Nicholas Santos – 50m borboleta


*Curtinha>>>> Ryan Lochte disse que não irá mais competir nos 400 medley,e agora Thiago tem o caminho mais limpo para quem sabe um ouro em mundial.(Mais um motivo para sorrir)

   Acaba o Troféu José Finkel e fica a sensação de mesmice. São sempre os mesmos atletas que conseguem o índice.Com o guilherme Guido nadando muito bem em curta e quando chega na piscina longa vai mal. Etiene Medeiros muito bem no 50 costas,principalmente em piscina curta mas quando o negócio é piscina olímpica deixa a desejar. Kaio Márcio conseguindo índice nos 100 e 200 borboleta.... Lembra o que ele fez em Londres? Ou melhor ,o que ele não fez? Nadou muito mal por lá...
   Felipe França mostra denovo que é um ótimo nadador,nunca duvidei disso,mas lembrar a eliminação nas semi finais em Londres ainda dói...Deve ser ressaca olímpica...
   Mas claro que tivemos pontos positivos,Cesar Cielo e Thiago Pereira (como sempre) nadaram muito bem conseguindo índice nas provas que competiram.Thiago então cada dia provando (se é que alguém ainda tem dúvida) que é o nadador mais completo de nossa história,foram dois records sulamericanos e dois do campeonato para ele.Sou da tese que se Thiago nadasse todas as provas de 200,os 100 costas,peito e borbo em todas ele seria competitivo conseguindo índices,enfim não tem nem o que falar de Thiago Pereira. 
Cesar Cielo é outro que mesmo,acho que pouco motivado para a competição,conseguiu 3 índices para o Mundial de Istambul,nos 50 livre fez a melhor marca em piscina curta do ano.Em minha opinião aquele dia da final olímpica dos 50 m deu tudo certo para Manadou,longe de mim tirar os méritos dele,mas em contraponto deu muitas coisas erradas na prova do Cesão,principalmente a largada,e ACHO que se fosse feita uma saída estilo Cesar Cielo de sempre daria pra brigar pelo ouro.Mas SE não existe...
De novos nomes o grande destaque foi Gabriel Fidelis (novo porque é a primeira vez que elevence mas não é não novo de idade,tem 23 anos) que venceu o 200 peito quase fazendo índice para o mundial,mas é MUITO POUCO para quem quer ser potência olímpica.

Vamos esperar os próximos capítulos da natação brasileira,torcer para que melhore cada vez mais,e até 2016 tenho certeza que surgirá mais alguns bons nomes .Mas onde temos mais esperanças é nas gerações 96/97 e 98/99 que são muito boas,é só ver os tempos dos campeonatos e para 2020 são grandes promessas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário